Se colocar no lugar do consumidor é uma ótima estratégia para descobrir como atrair clientes para sua empresa.

Você pode até fisgá-los para entrar em sua loja pela fachada ou vitrine, mas e agora, como superar as expectativas e consolidar a venda?

Encontrar essas respostas vão te ajudar neste processo:

  • Quais são as perspectivas internas e externas da sua loja?
  • Como é a experiência de compra?
  • De que forma se dá o contato com os vendedores?
  • Em que momento acontece a fidelização?
  • Como funciona o relacionamento com o cliente?
  • O que ele acha da decoração da sua loja?
  • Como ele é atendido pela equipe?
  • Como ele espera encontrar produtos?

O que fazer para atrair clientes até a sua loja:

1 – Primeira impressão

Fachada, vitrines, pisos, paredes, tetos, janelas, portas limpos e manutenção em dia. Cuide de tudo o que causa uma primeira (e boa) impressão.

2 – Entrada estratégica

Coloque sempre ao lado direito da loja todos os produtos que você deseja vender mais e mais rápido.

3 – Visualização direta

Produtos que você quer chamar mais a atenção devem estar sempre expostos na altura dos olhos, geralmente entre 1,20m e 1,80m de altura.

4 – Distribuição de produtos

Agrupe produtos pela utilidade, possibilidade de complementação, gênero ou cor.

5 – Test drive

Crie espaços que mostrem como os produtos podem ser consumidos, usados, utilizados ou aplicados.

6 – Contato com produtos

Dê a chance de os clientes manusearem os produtos, eles gostam disso. Ofereça uma forma que as pessoas possam pegá-los e sentir suas características.

7 – Objetos delicados

Evite prejuízos e coloque objetos delicados em locais seguros, indicando o manuseio junto a um vendedor.

8 – Mix de produtos

Analise tendências, histórico de vendas, pedidos de clientes e invista num mix de produtos adequado para seu público.

9 – Pontos focais

Crie pontos focais que destaquem um produto ou um mix. Peças combinadas e que se complementam podem levar a uma compra maior que a planejada.

10 – Preços aparentes

Além de ser lei e estar no CDC (Código de Defesa do Consumidor), mercadorias bem sinalizadas vendem mais rápido. Inove na forma de exibir as etiquetas de preços: use post-its, cartões postais ou até origamis.

11 – Ambiente organizado

Divida o ambiente para manter tudo organizado e com espaço adequado. Pense no que você necessita e o que pretende colocar em cada espaço.

12 – Conforto e comodidade

Relacione tudo que você precisa para que cada ambiente seja confortável para receber clientes e acompanhantes, inclusive crianças.

13 – Higienização constante

Local sujo é um jeito de afastar clientes para sempre. Mantenha banheiros, fraldários e decoração, como tapetes, cortinas, almofadas, higienizados.

14 – Estilo dos móveis

Crie espaços que combinam com seus produtos sejam eles: zen, modernos, rústicos, sustentáveis, entre outros.

15 – Facilidade de circulação

Organize os móveis de uma forma que facilite a circulação dos clientes dentro da loja, mas cuide para não passar a impressão de que está sempre vazia.

16 – Layout versátil

Priorize elementos que permitem mudanças sem alto investimento.

17 – Mobiliário correto

Siga a simples regra: objetos pesados nas partes inferiores e os mais leves nas partes superiores dos expositores, evitando acidentes.

18 – Equilíbrio de cores

Escolha a mensagem que pretende passar ao público-alvo através das cores. Isso interfere no tipo de ambiente que se deseja criar.

19 – Imperfeições na estrutura

Aposte em tecidos, quadros e outros elementos decorativos para disfarçar possíveis imperfeições como buracos ou tintas descascadas.

20 – Mercadorias sem avarias

Cuidado com produtos amarrotados, rasgados, desbotados ou com outros tipos de defeitos para venda. Isso não causa uma boa impressão, nunca!

21 – Comunicação visual

Utilize sempre para informar, orientar e decorar o seu estabelecimento, mas cuidado com exageros. Toda comunicação visual para lojas deve ser fácil e rápida de compreender.

22 – Música ambiente e som

Escolha o som adequado ao estilo da loja e cuidado com o som. Músicas temáticas, conforme a data comemorativa, criam uma atmosfera convidativa.

DICA EXTRA

Consulte o Ecad (Escritório Central de Arrecadação e Distribuição) para verificar as regras de direito autoral pelo uso de música ambiente.

23 – Perfume ou aromas

As essências personalizam o ambiente, fortalecem a identidade da empresa e podem influenciar até mesmo o tempo de permanência na loja. Apenas cuidado com a dose!

24 – Iluminação ideal

Para calcular a quantidade de luz é preciso avaliar a incidência de luz natural, pé direito, cores dos pisos, paredes e lojas, mas normalmente cada segmento tem um tipo de iluminação mais utilizada. As joalheiras optam por foco dirigido ou loja de roupas as lâmpadas halógenas.

25 – Decoração temática

Em datas comemorativas, ouse e seja criativo. Reorganize a loja, utilize elementos que valorizam o tema e chame a atenção ao ser diferente.

26 – Plantas e flores

Plantas e flores agregam valor e disfarçam espaços menos agradáveis, contanto que estejam sempre bem conservadas, sejam artificiais ou naturais.

27 – Conforto térmico

Deve ser agradável com o objetivo de manter o cliente mais tempo em seu estabelecimento.

Realizar um bom atendimento ao cliente é muito importante, mas deu pra perceber que para ir além é preciso repensar cada detalhe do estabelecimento e se colocar no lugar do consumidor.

Tem outra dica de como atrair clientes e aumentar o fluxo de consumidores em sua empresa?

Comente aqui e aumente a nossa lista agora 👇🏽

O que você achou desse conteúdo?

Ganhe uma avaliação gratuita da sua empresa e descubra como aumentar as vendas. Começar agora

Deixe seu comentário para a gente